02/10/2017

Criança toca artista nu em museu de São Paulo

A polêmica da semana gira em torno da exposição que aconteceu no Museu de Arte Moderna de São Paulo. Para quem não acompanhou, houve uma manifestação cultural, uma apresentação de uma obra de arte, assim chamada, onde um homem ficava deitado em um área descrita e as pessoas podiam tocá-lo.  Um vídeo que viralizou nas redes sociais mostra quando uma criança, de aproximadamente quatro anos, toca no homem.

Bem, primeiramente é interessante esclarecer que não é proibido uma manifestação cultural que tenha alguém nu ou que tenha erotização. Em outros países é até normal exposições de arte com nudez evolvida.

Não venho aqui repudiar essa ou qualquer que seja o tipo de manifestação daquilo que venha ser considerado arte. Na verdade haverão pessoas que irão achar fantástico, normal, e outras que irão renegar. De fato o que é totalmente repudiável é a presença de crianças nesse tipo de evento, afinal nunca sabemos como isso vai afetar as cabeças de tais crianças.

Se a perspectiva da arte tornar a nudez algo normal, tão natural assim, então vamos levar para o cotidiano? Deveria ter na entrada do museu pessoas que proibissem a entrada de crianças, mesmo que acompanhadas dos pais, bem como o Estado tem a obrigação de proteger as crianças, até mesmo de pais que incentivavam esse tipo de comportamento, como a mãe dessa criança incentivou. 

Lembro ainda que o Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA) deixa bem claro que a proteção das crianças é um dever de todos (Estado e Sociedade).

O fato aconteceu, o museu ficou lotado, e ninguém fez nada para proteger as crianças que ali estavam. 

Só nos resta esperarmos que o Judiciário tome as providencias cabíveis.

0 comentários:

Postar um comentário

Curta nossa página

Leitores agora

Total de visitas

Mais lidas da semana