03/04/2019

Um dia depois de ser desafiado por ex-ministro, Rogério Marinho admite tirar itens polêmicos na reforma da Previdência


Um dia depois do ex-ministro da Previdência, Carlos Gabas, desafiar o secretário especial de Previdência e Trabalho do Ministério da Economia, Rogério Marinho, para um debate sobre a reforma da Previdência apresentada pelo presidente Jair Bolsonaro…

Rogério afirmou que o governo pode debater eventuais mudanças no texto da proposta…

As críticas feitas por Gabas também foram feitas por deputados do PSD com os quais ele se reuniu hoje na sala do ministro da Economia, Paulo Guedes.

As mudanças serão debatidas na comissão especial que ainda está sendo formada.

“A ocasião em que iremos fazer o debate será na comissão de mérito, que é a comissão especial. Os senhores parlamentares serão apresentados aos números. Serão apresentados ao impacto que esperamos e, certamente, a vontade soberana do Congresso Nacional se fará ouvir representada”, declarou Marinho.

Os deputados do PSD criticaram as propostas que endurecem as regras de concessão da aposentaria rural e do concessão do Benefício de Prestação Continuada (BPC) – concedido a idosos de baixa renda.

Rogério disse que “vai continuar a defender os pontos que foram apresentados na integralidade do conjunto da PEC”, mas disse que, se for o entendimento da maioria”, esses dois itens polêmicos podem ser “suprimidos”.

Blog da Thaisa Galvão

0 comentários:

Postar um comentário

Curta nossa página

Leitores agora

Total de visitas

Mais lidas da semana